domingo, 8 de junio de 2008

O inesperado aconteceu

- Olha quem vem cá... Olá Carolina. - Disse Marcelo, com um grande sorriso na cara. - Estávamos mesmo à sua espera. Temos uma grande surpresa para ti. Mas antes tens que me apresentar quem é esta amável senhora que lhe acompanha.
- É minha avó. - Respondeu Carolina, ainda intrigada com tanta alegria e descontração.
- Olá minha senhora. Eu sou Marcelo Galardo. Sou enfermeiro aqui no Hospital. Estive a acompanhar o seu filho juntamente com o Dr. Cerejeira e também com Dr. Alexandre Sanchez.
- Oh! Perdão, mas Fernando não é o meu filho. É meu genro. - Disse-lhe D. Amélia, estendendo a mão para cumprimentá-lo.
- Não faz mal. De qualquer forma, um genro é como um filho, não é mesmo? - Falou ele, descontraidamente.
Enquanto os dois falavam, Carolina admirava a beleza da namorada de Marcelo. E como se notasse, ele se apressou em apresentar ela também à sua avó.
- Esta é Ana. Minha namorada e também Enfermeira. Se precisar de alguma ajuda, pode nos pedir.
- Com certeza, Sr. Marcelo. Muito obrigada pela gentileza. E já agora, como posso ir visitar meu genro com a minha neta?
- E já ali vovó. - Disse Carolina, um pouco ansiosa para ir ver finalmente o seu pai. Vamos, - Falou arrastando D. Amélia pelo corredor.
- Adeus, Carolina. - Falou Marcelo, tentando lhe chamar atenção. Depois volte para falar comigo. Temos uma surpresa para ti.
Por incrível que pareça, Carolina já estava um bocado farta de surpresas. Parecia que seus últimos dias tinham sido cheios de pequenas e grandes surpresas e não parecia muito interessada na surpresa que o Marcelo tivesse para ela, muito menos acompanhado por sua namorada.
Abriu a porta devagarinho e viu o seu pai, dormindo. - Venha vovó. Ele pode nos ouvir. Ele não se importa com o barulho e gosta que a gente fale com ele.
- É mesmo? Tens certeza? - Perguntou D. Amélia à Carolina. E ela confirmou.
- Olá Fernando. - Disse D. Amélia, encorajada.
- Olá, Amélia...

6 comentarios:

Vieira Calado dijo...

Credo!
Quando comecei a ler pensei que fosse o Marcelo R. de S.
Fiquei mais aliviado quando li um todinho mais...
Bom feriado.

JOICE WORM dijo...

Oi Vieira,
Quem é o Marcelo R. de S.? E você tem acompanhado a Novela, ou só leu esta folha? Agora quem esta assustada sou eu! Mesmo assim, seja bem vindo às páginas da vida.
Beijinhos da Joice.

Anónimo dijo...

OI minha nova amiga do lado de la´.
Muito criativo esse seu cantinho.
voltarei amis vezes e fique napaz.
Te aguardo no cantinho da deusaodoya.
beijos amiga.
regina coeli.

JOICE WORM dijo...

Olá Regina,
Não me importava de fazer uma visita no seu cantinho, mas infelizmente você não tem um linck a partir daqui, pois deixou uma mensagem em anônimo, nem deixou a sua direcção. Fico aguardando.
Desde já agradeço o elogio.
Forte abraço da Joice

mundo azul dijo...

Estou gostando de acompanhar a sua história!
Beijos de luz e muita alegria no seu coração...

JOICE WORM dijo...

Olá amiga AZUL. Obrigada por estar acompanhando. Estive duas semanas doente e consequentemente sem inspiração. Vamos retomar o curso da história... Beijinhos!